Project Description

Quer saber mais sobre biogás? Acesse nossa biblioteca

clique aqui

Central de Bioenergia a Biogás em Entre Rios do Oeste (PR)

Minicentral Termelétrica de Biogás – Economia circular e energia para todos

O projeto feito em Entre Rios do Oeste – PR, foi concebido pela chamada de P&D estratégico no 014/2012 da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) com a seguinte temática: “Arranjos Técnicos e Comerciais para Inserção da Geração de Energia Elétrica a partir do Biogás oriundo de Resíduos e Efluentes Líquidos na Matriz Energética Brasileira”.

Patrocinado pela Copel e executado pelos times do CIBiogás e do Parque Tecnológico Itaipu (PTI), o objetivo do projeto era a geração de energia elétrica utilizando o biogás produzido em propriedades suinocultoras do município de Entre Rios do Oeste (PR). 

Os desafios técnicos foram marcantes ao longo do projeto, mas a  sua inovação está  é no modelo de negócio elaborado. As propriedades rurais, consideradas unidades produtoras de biogás, são conectadas a uma rede coletora de 20,6 quilômetros que transporta o biogás até uma Minicentral Termelétrica de 480kW de potência instalada com dois grupos motogeradores. Na Central, o biogás é transformado em energia elétrica, que por sua vez abastece mais de 40 prédios públicos do município. 

Energia para todos

A cidade hoje conta com aproximadamente 4 mil habitantes, e o objetivo é que em breve toda a população tenha acesso à a energia produzida com o biogás local. Segundo a Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (ADAPAR) a cidade concentra plantel de 155 mil suínos. O município é o 4º maior produtor de suínos do estado do Paraná e 16º do Brasil. 

O projeto tem como premissa adquirir a expertise para replicação do arranjo em outros municípios paranaenses e servir de modelo para novas iniciativas. De forma direta, o projeto estimula a economia da região, fomentando uma nova oportunidade de serviços especializados e suprimentos, com alta demanda de mão de obra especializada e fornecedores.

Cadeia do Biogás

É da natureza dos projetos de P&D o desenvolvimento de soluções inovadoras, que tragam benefícios ao setor elétrico e que proponham melhorias aos diversos segmentos, desde a geração até a distribuição de energia. O projeto de Entre Rios do Oeste é um exemplo desse espírito inovador e desafiador inerente às chamadas de P&D estratégico. 

Nesse sentido, o projeto oportunizou o desenvolvimento da cadeia de biogás, colocando diante de fornecedores e prestadores de serviços desafios até então desconhecidos. Apesar das dificuldades, as empresas conseguiram superar o ineditismo, entregando serviços de qualidade e mostrando suas competências. Um exemplo a destacar é a 3Di Engenharia, empresa que realizou diversas etapas do projeto, com destaque para a construção da rede coletora de biogás e sistemas de biodigestão. Comprometida com prazo e qualidade, a 3Di Engenharia, mais do que um fornecedor e/ou prestador de serviços especializados, mostrou ser um parceiro, pronto para qualquer empreitada e, por isso, o CIBiogás agradece a parceria mostrada ao longo de toda a execução do projeto

Resultados do projeto: 

  • Tratamento diário de  215 toneladas de resíduos; 
  • Produção de 4.600 m³/dia de biogás;
  • Renda ao suinocultor, que varia de acordo com a produção de biogás e porte da propriedade, podendo gerar até R$ 5.000,00 para os maiores produtores;
  • Geração de 3.000 MWh/ano de energia elétrica;
  • Consumo da Prefeitura: 158 MWh/mês (médio);
  • Solução para o problema ambiental da principal atividade econômica do município;
  • Revitalização da área onde foi instalada a Minicentral Termelétrica, com estrutura de rede elétrica e iluminação pública;
  • Até Setembro de 2020, o município obteve uma economia de R$ 604.505,26;
  • A média de economia mensal no período de Setembro de 2019 a Setembro de 2020 está em R$ 46.462,87;
  • O mês de Setembro apresentou a maior produção desde o início das operações com 113 MWh alcançando 70% de todo consumo de energia dos prédios públicos municipais. 

Desenvolvimento do Paraná

“O estímulo à produção de energias alternativas é um compromisso do nosso plano de governo. Entendemos que um dos diferenciais competitivos do Paraná é o fornecimento de energia de qualidade. Assim, considero de extrema importância para o Estado a implantação deste projeto em Entre Rios do Oeste, que aproveita a biomassa da suinocultura” – Carlos Massa Ratinho Junior, Governador do Paraná. 

Galeria

Minicentral termelétrica de biogás
gasometro central de bioenergia
central vista aérea